quinta-feira, 23 de outubro de 2014

Ibope confirma: Vovozona Dilma disparou na reta final

Por Abdenaldo Rodrigues/Matões Notícias/Via Site Eleições 2014

Ibope - Pesquisa Presidente 2º Turno

O mais recente levantamento Ibope referente ao segundo turno da eleição para presidente em 2014, encomendado pela TV Globo e pelo jornal "O Estado de S.Paulo", divulgado dia 23 de outubro, mostra a presidente Dilma na frente, com 8 pontos percentuais de diferença para Aécio Neves em relação aos votos válidos.

Pesquisa para Presidente da República (Votos Válidos)

CandidatoIntenções de Voto (%)
Dilma (PT)54%
Aécio Neves (PSDB)46%
A Justiça Eleitoral obtém os resultados oficiais da eleição a partir dos votos válidos, método que exclui da amostra os votos em branco, os nulos e os dos eleitores indecisos. Para um candidato ser eleito no segundo turno, ele precisa alcançar a maioria dos votos.

Pesquisa para Presidente da República (Votos Totais)

CandidatoIntenções de Voto (%)
Dilma (PT)49%
Aécio Neves (PSDB)41%
Branco/Nulo7%
Não Sabe/Não Respondeu3%
Os eleitores também foram questionados sobre qual candidato não votariam de forma alguma, onde Aécio Neves foi o mais rejeitado com 42% das menções, enquanto Dilma recebeu 36%.
Perguntaram ainda aos entrevistados quem eles acreditam que será eleito, independentemente da intenção de voto. 51% acham que Dilma será reeleita, 38% acreditam que Aécio sairá vitorioso e 10% não sabem ou não responderam.
A pesquisa foi realizada entre os dias 20 e 22 de outubro de 2014 com 3.010 eleitores em 203 municípios brasileiros. A margem de erro é dois pontos percentuais para mais ou para menos com um nível de confiança de 95%. A pesquisa está registrada do TSE sob o protocolo nº BR-01168/2014 e foi divulgada no site Globo.com.

Um comentário:

Basílio da Silva Rocha disse...


A Presidenta Dilma tem chance de ser reeleita no Segundo Turno. Ela fez um trabalho satisfatório em benefício das pessoas necessitadas.O povo reconhece o trabalho dela e, isso, acena uma vitória tranquila no segundo turno das eleições.

Siga-nos pelo Google+ Followers